Como as empresas veem se posicionando no meio digital?

A sociedade atual experimenta mudanças na dinâmica de relacionamentos, os recursos tecnológicos veem inovando cada vez mais, proporcionando ao usuário novas plataformas de comunicação, e, vem crescendo junto uma nova economia. Diante disso, o presente artigo visa pesquisar algumas estratégias de comunicação que empresas mesmo de pequeno porte, buscam agregar para a geração de novos conteúdos adequando à inovação digital.

http://dualpixel.com.br/labs/revistas-apostam-em-inovacao-digital

Surgimento da internet

Devido ao avanço tecnológico, as transformações no campo da comunicação e informação têm-se tornado mais evidentes, podendo-se destacar principalmente o advento da internet. Sendo ela um sistema mundial de redes de computadores interligados por uma imensa rede, que usam o conjunto de TCP/IP de protocolos de rede, permitindo assim trocar dados e mensagens com o mundo inteiro.


Acesso à Internet é considerado Direito Humano para a ONU. O Conselho de Direitos Humanos aprovou a Resolução (A / HRC / C / L.20) que regulamenta a promoção, proteção e gozo dos direitos humanos na internet. Os Estados devem possuir políticas rígidas contra os abusos, tais como a tortura, execuções extrajudiciais, desaparecimentos forçados e detenções arbitrárias, expulsão, intimidação e perseguição, bem como a violência baseada no gênero, cometidos contra pessoas por exercerem os seus direitos humanos e das liberdades fundamentais na Internet.


Redes sociais

O termo “Rede Social” representa gente, interação social, troca social. Uma definição que é bem mais antiga do que a chegada da internet. Estas surgem exatamente da necessidade humana de compartilhar com o outro, criar laços sociais que estão norteados por afinidades entre eles. As redes “não são, portanto, apenas outra forma de estrutura, mas quase uma não estrutura, no sentido de que parte de sua força está na habilidade de se fazer e desfazer rapidamente” (DUARTE e FREI, 2008).


Uma das características fundamentais na definição das redes é a sua abertura e porosidade possibilitando relacionamentos horizontais e não hierárquicos entre os participantes. Operando também, em diferentes níveis, como, por exemplo, redes de relacionamentos virtuais, estruturas sociais compostas por pessoas e/ou organizações, conectadas por um ou vários tipos de relações, que partilham valores e objetivos comuns na internet.

Adequação de uma empresa à inovação digital

É visto que, cada dia que passa novos meios de comunicação vem surgindo, diversos recursos que proporcionam uma eficiente comunicação. Muitas empresas estão aderindo às condutas da comunicação oferecidas pelas mídias digitais, inclusive as de pequeno porte. Falando em Mídias Digitais, a autora enfatiza que:

A Comunicação Empresarial contemporânea, não só pelos aspectos tecnológicos já pontados, mas fundamentalmente pela mudança social que as TICs apontaram para as ações de informar e comunicar, tem sido considerada com área estratégica em uma quantidade cada vez mais significativa de organizações ou agrupamentos sociais. Ao mesmo tempo e exatamente por sua instância, não se pode pensar esta comunicação sem uma visão de seu planejamento integrado e alinhado à estratégia global da organização. Na sequência, se estratégica e integrada, a Comunicação contemporânea também atua direta e indiretamente no processo de competitividade global em que as empresas se vêem inseridas.(CORRÊA, 2005, P.100)


É de se perceber que, ferramentas da comunicação digital podem contribuir para o posicionamento da empresa, contudo, tendo consigo boas estruturas narrativas de comunicação tradicional e digital, pois, mesmo com o avanço notório da tecnologia, meio digital, ainda se vê uma boa parte de pessoas que não aderiram a esse meio, seja por questão cultural, econômica ou pessoal do individuo. Sendo assim, se o meio de comunicação não for devidamente utilizada, o resultado pode ser negativo. Uma mensagem deve ser transmitida com clareza, de modo que, não haja ruídos na comunicação transmitida.

Não se pode comparar o investimento que uma empresa de grande porte faz, com o de uma de pequeno porte. O meio de comunicação deve ser investido de acordo com as condições da empresa, que necessariamente não gere prejuízos ou gastos desnecessários. Segundo VAZ, 2012, p.3: “Não pretendemos comparar os montantes investidos pelas empresas; a proporcionalidade dos investimentos é que nos chama a atenção. A publicidade não garante que uma empresa vai sobreviver no mercado, ela é apenas uma das ferramentas envolvida no processo administrativo de uma instituição.”


A ideia central foi estudar as formas de relacionamentos e possibilidades por meio das mídias digitais para uma empresa de pequeno porte, e o que ele pode proporcionar a empresa e ao público usuário.

Por fim, o que desejo é que este artigo sirva de reflexão pela sua importância na atual cultura digital, buscando motivar outras pesquisas sobre o tema com novos olhares, tendo em vista o grande potencial comunicacional que uma empresa pode oferecer, meios que a evolução tecnológica vem propiciando a cada dia.

Referências:

CORRÊA, Elizabeth Saad. Comunicação digital: uma questão de estratégia e de relacionamento com públicos, 2005.

LUPETTI, Márcelia. Gestão estratégica da comunicação mercadológica. In: RIBEIRO, Denise Barbosa; RORIZ, Marina. PLANO DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL: IMAGEM FORTE E POSITIVA PARA EMPRESAS. Revista Panorama, 2013.

VAZ, Rodrigo Teixeira, Analfabetismo publicitário - uma análise sobre a falta do uso de mão de obra especializada nas publicidades das micro e médias empresas do interior de Minas Gerais, 2012.

NOMINUTO.COM. Redes Sociais: Tudo que você precisa saber sobre elas, 2016. Acessado em 24/08/2017. Disponível em: http://www.nominuto.com/noticias/comunicacao/redes-sociais-tudo-que-voce-precisa-saber-sobre-elas/109349/

LAINE. Acesso à Internet é considerado Direito Humano para a ONU, 2016. Acessado em 24/08/2017. Disponível em: http://www.lainesouza.adv.br/internet-direitos-humanos/

ABRANET. Uma breve história da Internet Brasileira, 2014. Acessado em 24/08/2017. Disponível em: http://www.abranet.org.br/Noticias/Uma-breve-historia-da-Internet-Brasileira-11.html#.WD9789IrI2x


23 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Posts Recentes